12 de marzo de 2019
5 min leitura

5 dicas de como usar CRM em seu negócio

Conhecer algumas dicas de como usar CRM em seu negócio pode melhorar e muito seus resultados. Quem ainda não foi introduzido a essa ferramenta deve saber que CRM é a sigla em inglês para Customer Relationship Management ou em bom português Gestão de Relacionamento com o Cliente.
E ao contrário do que muitos gestores pensam, pequenas e médias empresas podem, sim, se valer desse tipo de solução. Isso porque o acompanhamento e controle de informações extremamente estratégicas de seus clientes fornecem os dados que você precisa para entregar mais em valor em seus serviços.
No post de hoje, vamos falar como isso acontece na prática, dando dicas de como usar CRM em seu negócio. Não deixe de conferir!

  1. Uniformização de informações

Quando se trata de relacionamento com o cliente, é comum se observar uma certa desorganização das informações obtidas, seja em ações de prospecção ou vendas. Muitas vezes, se criam formulários e mais formulários para se conhecer mais a fundo o próprio público, porém esses documentos acabam se perdendo ao longo do tempo.

Com um software de CRM, todo esse trabalho será facilitado, pois as informações em meio digital são armazenadas com maior segurança e também podem ser melhor geridas em termos de categorização, formulação de indicadores e afins.

  1. Planejamento de vendas

Para planejar suas vendas, nada melhor que conhecer algumas dicas para usar CRM. No ambiente do software, por exemplo, é possível formalizar o andamento de todas as ações já empregadas junto a determinado grupo clientes, como último contato, oferta apresentada, propensão a efetivar a compra e etc..

Não podemos nos esquecer que cada cliente ou potencial cliente representa, literalmente, uma história. História essa que merece ser registrada em todos os detalhes para que sua equipe de vendas possa, cada vez mais, alcançar melhores resultados.

  1. Fortalecer relação com clientes

No mesmo sentido do que vinha sendo tratado no tópico anterior, devemos destacar que o CRM ainda contribui decisivamente para fortalecer o relacionamento com o cliente. Tenha em vista que a medida que você obtém mais e melhores informações sobre quem compra de você, é possível entender de forma mais aprofundada quais são as “dores” e necessidades de seu cliente.

A consequência disso é a criação de laços mais estreitos e a formação de uma extensa carteira de clientes recorrentes, o que é o sonho de qualquer negócio. Afinal de contas, fidelizar é sempre mais interessante que investir em prospecção de novos clientes, o que envolve maiores custos.

Além disso, em uma realidade de mercados cada vez mais competitivos, não basta apenas ser cordial e apresentar as soluções que seu cliente precisa. É necessário estar pronto para ajudar a todo o tempo e customizar seus produtos e serviços para diferentes contextos.

  1. Otimizar ações de marketing

A formulação de uma boa estratégia de marketing pressupõe a construção de uma base precisa de informações sobre seus clientes, sobretudo em estratégias de marketing digital, o que torna a ferramenta de CRM, mais uma vez, algo indispensável.

Para ficarmos apenas em alguns exemplos, podemos citar a necessidade de construção de uma persona e a nutrição de leads. No primeiro caso, estamos falando da construção de um perfil fictício que reuniria todas as informações que um cliente médio de seu negócio teria. Isto é, seria um cliente fictício que mora no lugar x, tem a profissão y, tem z preferências de consumo, w renda média mensal e por aí vai.

As informações dessa persona servirão de base para formulação de todo o conteúdo de sua estratégia de marketing digital, o que faz desse esforço algo muito mais assertivo, uma vez que os conteúdos produzidos servirão para solucionar dúvidas e problemas de quem potencialmente compraria de sua empresa. E é exatamente aí que entra a nutrição de leads.

Essa estratégia pressupõe a formulação de conteúdos para o seu público, que deve ser segmentado pela sua propensão a efetivar uma compra. Assim, haverá vários subgrupos, que deverão receber tipos de conteúdo diferentes para que sejam educados a consumir suas soluções.

  1. Oferta de produtos e serviços complementares

Outra oportunidade que a ferramenta de CRM reserva para o seu negócio é a possibilidade de ofertar produtos e serviços complementares a seus clientes, saindo do lugar comum de apenas apresentar soluções convencionais.

Para que tudo fique mais claro, podemos mobilizar alguns exemplos. No caso de lava-jato, suponhamos que a lavagem simples seja o serviço mais acionado pelos clientes. Com um bom trabalho de CRM, pode ser que se observe uma demanda crescente de impermeabilização de bancos. Faltava ao negócio saber apresentar essa oferta e compatibilizar preços a disponibilidade financeira das pessoas.

Ao final, o que se vê, é um aumento significativo de vendas de um determinado produto ou serviço que pouco era comercializado. Na prática, isso representa um incremento importante de receitas para o negócio.

Depois de conferir as nossas dicas sobre como utilizar CRM em seu negócio, temos certeza que você está pronto para explorar as principais possibilidades que essa ferramenta proporciona. Como você pôde perceber, há muitas contribuições positivos a partir da utilização dessa estratégia!

 

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *