10 de diciembre de 2020
5 min leitura

Por que o digital se tornou primordial para as vendas?

Vender online

Se o mundo já caminhava cada vez mais para o universo online, a pandemia da Covid-19 acelerou esse processo. De acordo com uma reportagem do Estadão, a atual situação fez com que os processos digitais das empresas avançassem cinco anos em cinco meses. Nesse contexto, fica claro que se adequar para vender online é a tendência a ser seguida.

Isso é válido até mesmo para as empresas que não fecham vendas por esse canal, por exemplo: as prestadoras de serviço. O fato é que estar de maneira ativa no ambiente digital implica muito além da venda por si só, tem a ver com estar presente desde o pré-venda, tendo um processo comercial digitalizado e eficiente.

Antes de tudo, é preciso entender sobre o processo de vendas para só aí mapear como ele será levado para além do offline.

O que é um processo de vendas?

Basicamente, é um guia de ações e atividades que visam orientar a equipe da empresa, a fim de que o trabalho seja otimizado, produtivo e fluido.

Conheça a importância de ter esse processo bem definido, bem como seus benefícios:

– Diminui a probabilidade de erros na operação;

– Auxilia na produtividade;

– Auxilia no treinamento e desenvolvimento dos vendedores;

– Melhora o serviço como um todo ao definir e controlar os processos da venda;

– Consequentemente, aumenta as vendas!

E por que o digital se tornou primordial?

Antes, o vendedor de empresas fornecedoras para construção civil precisava realizar visitas de campo para converter oportunidades em vendas, algo muito mais caro e demorado. Hoje, por meio do digital, esse processo se transformou. As empresas que querem evoluir, devem entender que não se adequar significa, literalmente, ficar para trás.

A jornada de compra do consumidor atual é feita, quase que majoritariamente, por meio da internet. Isso causou uma mudança profunda no comportamento do consumidor e, portanto, as estratégias de marketing e vendas tiveram que se adaptar a essa nova realidade.

O consumidor atual é inteligente e exigente. Para vender mais, as empresas precisam entender que ele:

– Procura por soluções para seus problemas na Internet;

– Compara diferentes marcas em busca do melhor custo-benefício, procurando opiniões das pessoas sobre determinado produto ou serviço;

– Não se interessa por propagandas intrusivas, sendo muito mais efetivo ações de inbound do que de outbond (embora essa última também seja importante, especialmente se as duas estratégias forem combinadas. Você pode ler mais sobre o assunto nesse e-book gratuito. Clique aqui  para baixar);

– Quer ser parte ativa na relação de consumo;

– É antenado quanto as novas tendências do mercado;

– É influenciado por pessoas que admira;

– Mais do que apenas comprar, busca por experiências;

– Busca marcas em que possa se engajar;

– Busca rapidez nos processos.

Com todas essas características, fica muito claro que o novo consumidor é um usuário ativo da Internet e que encontra empresas, pesquisa sobre elas e decide se irá ou não comprar quase que totalmente de maneira online.

E como migrar o processo de vendas para o digital?

Antes de tudo, como já afirmamos neste artigo, é preciso mapear o seu processo de vendas. Conheça a jornada de compra dos seus leads e quais gatilhos os farão transitar de um momento até o outro.

Com um fluxograma desse processo, indique quais ações devem ser tomadas em cada momento da jornada de compra, levando em consideração o universo digital, a prospecção e a venda online.

Invista em inbound marketing

Grande parte do comportamento do consumidor atual pede por estratégias de inbound marketing, o chamado marketing de atração, onde o lead chega até você e não o contrário. Portanto, esse lead já está mais propenso a fechar a compra.

Como forma de atrair esses potenciais clientes, são produzidos materiais ricos como e-books, conteúdos relevantes por meio de blogs corporativos, redes sociais, e-mail marketing e outras ferramentas.

Prospecção online

Nesse cenário, os vendedores precisam apender como prospectar online. Para isso, é preciso seguir algumas etapas básicas:

– Definir o perfil do cliente ideal (ICP);

– Organizar a lista de leads;

– Preparar uma abordagem, sendo essencial visitar antes o site da empresa e suas redes, angariando informações que fazem diferença no direcionamento do diálogo;

– Entrar em contato com o lead, escolhendo o melhor meio: pode ser por e-mail, ligação ou redes sociais.

Além dos leads atraídos até a sua empresa, há também potenciais clientes que ainda não foram atingidos pelas suas estratégias de marketing, necessitando que você vá até eles. Para isso, é primordial aprender a utilizar recursos de venda avançada pela web, com filtros que segmentam as buscas. Nesse contexto, o LinkedIn entra como uma ferramenta muito útil.

Você pode, também, facilitar esse processo por meio de um sistema de inteligência de mercado conhecido como Business Intelligence (BI).

Invista em Inteligência de Mercado

Por meio do sistema de inteligência de mercado do Obras Online, as empresas que fornecem para a construção civil conseguem mapear decisores e momentos de compra que antes só eram possíveis com visitas de campo ou muita pesquisa.

Isso é muito importante, já que há empresas que fornecem para obras em seus diferentes momentos, sendo necessário ter tudo muito bem mapeado. É possível realizar a pesquisa manual, mas os resultados não são tão completos, precisos e rápidos quanto o de um software próprio.

Por meio do Obras Online, você consegue informações preciosas sobre obras que estão ocorrendo no momento e obras que ainda nem iniciaram, facilitando o processo de prospecção. São mais de 25 mil empresas cadastradas em um só lugar!

Temos total confiança na eficácia dos nossos métodos e, para comprovar, disponibilizamos um teste grátis para que você conheça todo o potencial de uma ferramenta inovadora que irá revolucionar o seu processo de vendas. Saiba mais.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *